• Douglas Dutra

Prefeitura de Piratini investe 30 mil em 40 novas lixeiras para os bairros


O bairro Sinuelo, que até então enfrentava a situação mais complicada com relação ao lixo armazenado, que se espalha em sacolas plásticas depositadas por moradores nas calçadas e canteiros que dividem o acesso e saída do local, foi na terça-feira (07/08), o primeiro a receber quatro das novas quarenta lixeiras adquiridas pela Prefeitura Municipal de Piratini.

O novo investimento nos coletores foi de R$ 30.000,00, e busca solucionar o mesmo problema enfrentado em todos os demais bairros que formam a periferia da cidade, e ainda no Cancelão, situado a dez quilômetros da área urbana, já que o centro da cidade teve lixeiras do tipo containers, iguais as compradas agora, implantadas em dezembro de 2017.

“Após a primeira ação no ano passado, a resposta com relação à higiene foi muito boa, pois diminuiu significativamente os resíduos jogados ao longo das avenidas principais. Com o êxito alcançado chegou o momento de pedir o apoio dos moradores de todos os demais bairros do município para quem além de depositarem no local certo, façam também da maneira correta realizando a separação adequada do lixo”, disse Glauber Morais, licenciador ambiental da Secretaria Municipal de Meio Ambiente.

Morais destacou que essa separação de tudo que sobra após o consumo nas residências é essencial para colaborar com o trabalho, há muito tempo realizado pelas cooperadas da CooPiratini, cooperativa de catadoras que sobrevivem de grande parte do que é descartado.

“Para a grande maioria, lixo é somente lixo, mas para elas, é a subsistência, o sustento de suas família, então essa aquisição dos contêineres também visa contemplar a atividade das catadoras que são atualmente as responsáveis por mantermos a cidade mais limpa proporcionando assim saúde pública e o cuidado adequado com o meio ambiente”, acrescentou.


  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon

Nativa FM 94.1 - Todos os direitos reservados © 2020