Descendo as águas do Camaquã


Entre os dias 17 e 19 de janeiro de 2020 acontece a 25ª Descida do Camaquã, em que um grupo de remadores descerá um trecho do Rio Camaquã entre o Passo das Carretas, em Santana da Boa Vista, e o Paredão, em Piratini, num percurso que será feito pela primeira vez. O grupo surgiu em 1995 unindo amigos de Bagé e Candiota com um grupo do CTG 93, que resolveram se organizar para realizar incursões periódicas no Rio Camaquã já em 1995, e desde então vem ampliando e realizando os percursos anualmente, unindo esporte, ecologia e turismo. Segundo José Crespo, um dos organizadores, o objetivo da atividade é o convívio entre amigos e famílias e o contato com a natureza, levantando a bandeira ecológica e da preservação do Rio Camaquã, que é protegido por lei de Bagé. Além disso, a atividade também visa despertar o interesse pelo turismo rural no rio, que ainda não é poluído. A Descida do Camaquã contará com apoio logístico das prefeituras de Piratini e Santana da Boa Vista. Para participar do evento, é necessário ser remador experiente ou convidado por algum membro do grupo. As inscrições foram abertas nesta segunda (09), e dúvidas podem ser esclarecidas com José Crespo, pelo telefone (53) 99962 9765.