• Redação

Golpes por celular fazem vítimas em Piratini

Gerentes de banco alertam que criminosos têm vitimado dezenas de pessoas em Piratini através de golpes por telefone e WhatsApp nos últimos meses.


Os criminosos costumam entrar em contato para persuadir as pessoas, geralmente idosos, a passar dados bancários ou a entregar cartões, através dos quais conseguem retirar os valores depositados no banco.


Os gerentes alertam que bancos não enviam links por SMS, e-mail ou redes sociais, e que nunca ligam ou enviam mensagens solicitando ativações ou senhas aos clientes.


Já em outra forma de golpe, pelo WhatsApp, os golpistas se fazem passar por alguém conhecido da vítima, clonando o número ou a foto do perfil, e pedem transferências bancárias, pagamentos de boletos e outras formas de pagamento.


Para evitar que seu WhatsApp seja clonado, ative a confirmação em duas etapas nas configurações do aplicativo e nunca envie códigos recebidos por SMS.


Segundo os bancos, os golpistas preferem aplicar o golpe durante os finais de semana ou feriados, quando as agências estão fechadas, o que dificulta que as vítimas procurem recursos para garantir que não é um golpe.


Uma das orientações é, caso alguém entre em contato pedindo dinheiro por Pix, confirmar que a conta pertence realmente a pessoa que está contatando e, em caso de dúvida, não confirmar a transação. Além disso, nunca entregue sua senha e cartão a ninguém.


A principal forma de não cair em golpes é manter o ceticismo. Desconfie sempre e vá até o banco. Em hipótese alguma dê seus dados ou faça transferências, se tiver qualquer dúvida procure o banco.

Welcsoner Cunha, gerente do Banrisul em Piratini, orienta que, em caso de desconfiança, as pessoas procurem sua agência bancária o mais rapidamente possível ou entrem em contato com os telefones oficiais das instituições para o bloqueio imediato dos cartões.


Caso tenha identificado ser vítima de um golpe financeiro, faça a denúncia imediatamente na Delegacia de Polícia ou pela Delegacia Online e entre em contato com o banco para tentar barrar a transação e reaver o dinheiro.


Buscando conscientizar a comunidade, a Nativa FM lançou a campanha Desconfie Sempre em sua programação alertando sobre os riscos de golpe por celular e orientando as principais medidas a serem tomadas em caso de golpe.