• Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon

Nativa FM 94.1 - Todos os direitos reservados © 2019

Carter denuncia que há estradas rurais há dez anos sem manutenção

21/8/2018

A situação complexa  das estradas rurais tornou a ser tema na Câmara de Vereadores, pois, conforme o vereador do MDB, Jimmy Carter, alguns trechos estão sem manutenção há pelo menos dez anos.

 

Ele citou como exemplo, o segundo distrito, que afirma, exemplifica a continua ausência da presença do maquinário necessário em parte da zona rural de Piratini, locais estes que são tão ou mais importantes que os que recebem atenção através da Secretaria de Infraestrutura e Logística por necessitarem e não terem patrolamento contínuo para permitir a  passagem do transporte escolar e  escoar a produção cultivada em lavouras de milho, batata e soja, e ainda transportar o gado das pastagens para remates e frigoríficos.

 

Recentemente em plenário, Carter disse que o interior pede socorro.

 

“Percorri, e a situação de alguns locais, inclusive no segundo distrito, o maior entre os cinco existentes, considero caótica. Estradas principais, corredores, boeiros, pontes onde passam vidas quase que diariamente, a a produção agropecuária das localidades e o que se encontra está em desacordo com a necessidade”, relatou o parlamentar.

 

Ele afirmou que constantemente indaga a administração, mas que não recebe respostas concretas sobre a situação que classifica como recorrente. 

 

Vejo um governo perdido, sem planejamento e sem a devida organização também para este assunto. A estrada dos Borges, da localidade Cerro Chato, da serragem, enfim, é muito chão abandonado, alguns deles há mais de uma década”, criticou.

 

Para Carter, a defesa muitas vezes usada pela atual gestão de que a extensão rural é de quase sete mil quilômetros e de que o maquinário há décadas é insuficiente para dar conta de forma continua a tamanha necessidade, deve ser aceita em parte.

 

“Concordo com ressalvas, pois como disse anteriormente, é uma questão de planejamento, já que na minha concepção o segundo distrito por ser o mais extenso deveria contar com uma equipe exclusiva para atendê-lo. Também vejo que a necessária manutenção nos locais que a recebem é feita em épocas impróprias no que diz respeito às estações, sendo o verão, a melhor para um trabalho que tenha maior durabilidade”, concluiu o vereador.

 

 

 

Contraponto

 

Buscamos o titular da pasta de Infraestrutura e Logística, Carlos Alberto Reys, para que ele desse sua posição, onde discordou em partes do que afirma o vereador.

 

“Estou há cinco anos à frente da secretaria e asseguro que, por exemplo, a estrada da Serragem, uma das que se refere o vereador Carter, onde há produção agrícola ou pecuária, recebeu manutenção este ano”, garantiu Reys.

 

Sobre a estrada dos Borges, também em questão, o gestor comprovou com fotos atualizadas eu as equipes atuam neste momento.

 

Com relação a uma parte do Cerro Chato, o secretário admitiu que realmente a estrada está muito ruim, mas não soube precisar há quanto anos o local não recebe as máquinas da prefeitura.

 

Compartilhar
Compartilhar
Please reload

Please reload