• Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon

Nativa FM 94.1 - Todos os direitos reservados © 2019

Após atropelamento família Piratiniense busca ajuda para menino de 10 anos

18/2/2019

A família do menino Joaquim da Silva Moreira, de 10 anos, carrega consigo o desejo de Justiça.

 

No último dia do mês de Janeiro, Joaquim brincava de bicicleta na rua de casa, localizada na Avenida 6 de Julho, quando um indivíduo perdeu o controle do veículo e acabou atropelando o menino, deixando Joaquim prensado entre um veículo que estava estacionado na via e o caminhão do indivíduo, e fugiu do local. 

 

Moradores que presenciaram a cena foram atrás do motorista identificado pelas iniciais A. J. E. F., que retornou ao local, onde após o teste do bafômetro junto a Brigada Militar, que atendeu o caso, foi constatado que o motorista estava dirigindo sob o uso de álcool.

 

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, a SAMU, atendeu o menino, e após o atendimento foi verificado que Joaquim, além dos ferimentos por todo o corpo, também teve quebradura na clavícula, o que pode comprometer todo o movimento do braço direito.

 

A mãe, Sandra Zarnot da Silva, se diz indignada, mas agradece por não ter sido algo pior. Porém, Joaquim ainda precisa fazer duas ressonâncias para, de acordo com o resultado saber se há a necessidade de uma cirurgia, valores que no momento a família, - que não teve respaldo algum do motorista -, não tem.

 

O total apenas dos exames atinge o montante de R$ 2.000,00, e a família pede para que quem puder ajudar com qualquer quantia ligue no telefone (53) 9 99 45 36 68, ou deposite diretamente na conta do Banrisul 39.080293.0-5  AG: 0775 em nome de Sandra Zarnot da Silva.

 

 

 

Relembre o caso: Brigada Militar prende um indivíduo por conduzir veículo embriagado


No final da noite de quinta-feira (31/01), na Avenida Seis de Julho, no Parque da Bica, no Município de Piratini, a Brigada Militar prendeu um indivíduo por conduzir um caminhão sob influência de bebida alcoólica. 


A guarnição, a qual estava de serviço, deslocou até o local informado pela Sala de Operações, onde havia um possível atropelamento. Ao chegar no local constatou o fato, tendo um caminhão, conduzido por A. J. E. F., e uma bicicleta, conduzida por um menor. Logo, foi solicitado ao condutor do caminhão que realizasse o teste de embriaguez no etilômetro e, após o teste, foi confirmada a ingestão de bebida alcoólica por ele. 


Por fim, depois da chegada da SAMU, para atender a vítima, a guarnição conduziu o autor, sob a condição de preso, até ao Pronto Socorro e posterior a Delegacia para os devidos procedimentos legais.

 

Compartilhar
Compartilhar
Please reload

Please reload