• Douglas Dutra

Estiagem intensifica perdas na agricultura

Após o decreto de situação de emergência devido à estiagem emitido em 22 de janeiro, a perspectiva em Piratini segue sem otimismo, após mais de dois meses sem volumes expressivos de chuva o prejuízo se acumula. A chuva desta terça-feira (18) apenas amenizou momentaneamente o calor e os impactos da seca, mas não chega perto de recuperar os prejuízos causados pela estiagem.

Segundo dados recentes divulgados pela Emater, a deficiência hídrica tem afetado o desenvolvimento vegetativo, a floração e o enchimento de grãos de culturas como a soja, o milho, o feijão e o tabaco. Também há forte prejuízo para as pecuárias leiteiras, de corte e de ovinos, e falta água até mesmo para o consumo humano, com 115 famílias sendo abastecidas por caminhão-pipa.


Na média histórica, os meses de novembro, dezembro e janeiro registram cerca de 125 mm de chuva cada, porém, neste período 2019/2020, a média registrada em Piratini foi de 81 mm em novembro, 51 mm em dezembro e 61 mm em janeiro. No entanto, com a extensão territorial do município, alguns pontos tiveram bom volume pluviométrico e não sentiram tanto os impactos da estiagem, enquanto outros estão em seca intensa.


As principais culturas afetadas são a do milho, com perda de 60% de uma área de 2 mil hectares, e a de soja, com perda de 40% dos 40 mil hectares plantados. Na pecuária leiteira a perda já é de 40% na produção, enquanto na de corte o prejuízo é de 25%.


Segundo Marina Sinott, do escritório da Emater em Piratini, além do prejuízo que pode ser contabilizado, a estiagem também afeta a economia informal, reduzindo o volume de dinheiro que circula na cidade através, por exemplo, do milho que é utilizado na engorda de animais e impacta na produção de carne, ovos e leite.


Enquanto os prejuízos se acumulam, o decreto de situação emergência ainda não foi homologado pelo governo do Estado, e os agricultores seguem sem a perspectiva de receber uma ajuda concreta das esferas superiores do poder público e sem amparo legal para renegociar seus financiamentos bancários e honrar suas dívidas.

  • Grey Facebook Icon
  • Grey Twitter Icon

Nativa FM 94.1 - Todos os direitos reservados © 2020